Você não gosta de segunda-feira? Então precisa ler isso…

Sexta-feira? Ahh, sexta-feira é o melhor dia, afinal ela abre o fim de semana. Já a segunda-feira? Ahh, segunda-feira é terrível, aliás no domingo já começa bater aquela depresão pré segunda-feira.

Bom, esse não é mais o meu pensamento, eu apenas relatei o sentimento que já me acompanhou durante longos anos, ou melhor… Desde a pré escola! Porém, esse é o sentimento mais comum hoje em dia e certamente ele é o seu ou de muitas pessoas que você conhece.

Eu participei de um evento incrível de Coach esse fim de semana, voltei de lá com várias ideias e também refleti sobre muitas coisas. Uma delas foi a temida segunda-feira e resolvi compartilhar com você o meu ponto de vista…

O ódio pela segunda-feira

odeio-segunda-feira

Sabe o que esse “ódio” pela segunda-feira pode significar? Que você ainda não descobriu qual é a sua missão, a sua vocação! Ou se descobriu, ainda não está vivendo de acordo com ela.

Isso mesmo, se você odeia segunda-feira, um dos fortes motivos podem ser a insatisfação com a sua vida profissional. E se você não está satisfeito com a sua profissão, é porque ainda não descobriu a sua vocação.

Parece besteira ou que eu estou viajando, né? Mas faz sentido…

Durante muitos anos, levantar da minha cama e sair para o trabalho as vezes não era o que eu queria realmente fazer. Durante muitos anos a segunda-feira foi minha inimiga e a sexta, minha melhor amiga! Durante muitos anos eu apenas sobrevivi na vida profissional, ao invés de viver de acordo com a minha vocação… Hoje vejo que essa é a realidade de muitas pessoas e pode ser a sua também!

Quando a segunda-feira não será mais uma inimiga?

Quer saber quando a segunda-feira não será mais sua inimiga? Quando a sua vida profissional estiver alinhada com a sua missão de vida e com os seus propósitos! É claro que em determinados momentos, você não se sentirá bem, pensará em desistir e terá dúvidas…

Não tem nada de errado nisso, aliás, esses sentimentos fazem parte da caminhada. O que não faz parte da caminhada é desistir, pois quando você se encontra e ama o que faz, as dificuldades vão surgir da mesma forma, porém não serão capazes de te derrubar! Pelo contrário, sua vocação é o que vai te mover.

vocacao-profissional

Você pode concordar com tudo o que eu falei ou simplesmente pode achar que não faz sentido. Está tudo bem, mas mesmo assim eu quero te convidar a refletir sobre 3 coisas…

  • Você ama o que faz e faria mesmo se não fosse receber nada em troca?
  • A sua profissão está alinhada com a sua vocação?
  • Até quando você vai continuar sobrevivendo ou invés de viver e lutar pelo o que realmente te move? 

Ao refletir sobre essas 3 perguntas, você pode se deparar com o fato de não ter identificado ainda a sua vocação profissional, mas esse é assunto para um próximo post.

Eu vou encerrar por aqui e te deixar pensar nessas 3 perguntas. Espero que você tenha gostado, ainda vou falar sobre esse tema aqui no Blog, por isso deixe seu comentário, sua pergunta ou sugestão aí em baixo…

Beijinhos, até a próxima!

COMPARTILHE