Uma história de amor traduzida em imagens

No ano de 1953, na cidade de Cesário Lange- São Paulo, se iniciava uma história de amor, história na qual gerou vidas e hoje inspira casais pelo Brasil. Os protagonistas dessa história? Olinda (80 anos) e Paulinho (85 anos). Isso mesmo, eles estão juntos há 62 anos!

olinda-paulinho-abraço

Olinda e Paulinho tiveram 3 filhos e 5 netos, quando eu disse que essa história está inspirando casais pelo Brasil, tem um sentido… Um de seus netos, Vinícius Ribeiro, que é fotógrafo, teve a bela e sensível ideia de tornar pública a história de amor de seus avós, através de lindas fotos.
Ah, um “detalhe” super especial é que o local rural, é o mesmo local onde eles tiveram a primeira casa quando se casaram.
namorar-janela
Eu estava navegando pelo facebook quando me deparei com as lindas fotos de Olinda e Paulinho… O mais incrível? As imagens não precisam de descrição. O jeito em que eles se olham, que sorriem juntos, os gestos de carinho e simplicidade expressam o quão verdadeira é essa relação de 62 anos.

olhar-amor
Eu como sou “pouco” chorona, me vi com os olhos cheios d’água e não pensei duas vezes: Preciso compartilhar essas imagens com os leitores do meu Blog, afinal, o intuito do Vinícius (fotógrafo) era justamente esse… Inspirar casais apaixonados e inspirar casais que pensam em se separar, mostrando que vale a pena dar uma chance ao amor eterno e principalmente… Dar uma chance à família!

Bom, vamos direto às imagens! Mas, se prepare pois pode cair um cisco em seus olhos e as lágrimas podem escorrer sem que você perceba…

Uma história de amor traduzida em imagens

fusca-azul

paulinho-olinda-carro

amor-em-imagens

uma-historia-de-amor

olinda-paulinho

o-amor-e-paciente

natureza-amor

amor-feliz

bexiga-amor

buque-flores

amor-preto-e-branco

amor-alegre

62-anos-de-amor

amor-gestos-carinho

maos-alianca-amor

abraço-amor

 

juntos-para-sempre

 

Lindos, né? Encerro esse post com a belíssima passagem de I Corintios 13:1-7:

“Ainda que eu fale as línguas dos homens e dos anjos, se não tiver amor, serei como o sino que ressoa ou como o prato que retine.
Ainda que eu tenha o dom de profecia e saiba todos os mistérios e todo o conhecimento, e tenha uma fé capaz de mover montanhas, mas não tiver amor, nada serei.
Ainda que eu dê aos pobres tudo o que possuo e entregue o meu corpo para ser queimado, mas não tiver amor, nada disso me valerá.
O amor é paciente, o amor é bondoso. Não inveja, não se vangloria, não se orgulha.
Não maltrata, não procura seus interesses, não se ira facilmente, não guarda rancor.
O amor não se alegra com a injustiça, mas se alegra com a verdade.
Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.”

Compartilhe esse post, para que mais casais sejam tocados pela história de amor de Olinda e Paulinho.

 

COMPARTILHE